Dieta Mediterrânea

Dieta mediterrânea: a dieta mais saudável

Quer fazer dieta e não sabe qual a que se adequa mais a si ou qual é a mais saudável? Pois saiba que a dieta mediterrânea foi eleita pela 5ª vez consecutiva no ranking feito pelo US News & World Report, como a melhor dieta. Classificaram 40 dietas alimentares com base na contribuição de um painel de especialistas em dieta, nutrição e saúde, e a dieta mediterrânea ficou em primeiro lugar no ranking das melhores dietas para 2022. Esta dieta também foi declarada Património Cultural da Humanidade pela UNESCO.

Rica em muitos alimentos, a dieta mediterrânica é alegadamente prescrita para longevidade, melhoria da saúde cardiovascular, controlo de peso e função cognitiva. Mas o que torna esta dieta tão benéfica para nós?

De facto, esta dieta não é uma dieta difícil de seguir. Os ingredientes estão disponíveis muito facilmente para todos os habitantes do Mediterrâneo, pois é uma dieta rica em frutas, legumes, cereais integrais, leguminosas, frutos secos, gorduras saudáveis como o azeite, ervas e especiarias, peixe, frango e carne vermelha, disponíveis em todos os supermercados, hipermercados, minimercados e lojas de rua. Uma abundância de nutrientes e vitaminas vitais para ter uma ótima saúde.

Quais os benefícios da dieta mediterrânea?

Casal a cozinhar.

A dieta mediterrânea ajuda a combater as doenças cardiovasculares, ataques cardíacos e doenças cardíacas, uma vez que é composta por grupos alimentares que contribuem para isso. Por exemplo, as gorduras naturais contribuem para baixar o colesterol, o que também melhora a saúde do coração.

Como é uma dieta naturalmente pobre em açúcares, ajuda a combater a diabetes. Por exemplo, as frutas e os vegetais frescos são ricos em fibras e ajudam a reduzir os níveis de açúcar no sangue.

Esta dieta é excelente para prevenir o declínio da função cognitiva, uma vez que ajuda nas condições associadas ao envelhecimento do cérebro, pois correlaciona o consumo de alimentos Omega-3 e uma dieta pobre em gorduras e baixo teor de açúcar. As boas gorduras do azeite e dos frutos secos também ajudam a preservar a memória.

Contém poderosos elementos nutricionais, que foram estudados e provados para prevenir o cancro, como as frutas e os vegetais, em especial os vermelhos. As frutas e legumes também fornecem ao organismo antioxidantes, protegem o ADN e reduzem a inflamação.

O azeite, que é um alimento básico desta dieta, reduz o risco de cancro retal e o cancro do intestino.

É uma dieta pobre em gordura e contém menos calorias do que muitas dietas de vários países. Os açúcares usados nesta dieta são também todos naturais e, além disso, a ausência de alimentos industrializados ajuda a acelerar a perda de peso.

Os alimentos anti-inflamatórios incluídos na dieta mediterrânica protegem o corpo de demência, depressão e doença de Parkinson.

Os vegetais frescos combinados sempre com boas gorduras contribuem para a longevidade, assim como aliar esta dieta ao exercício físico regular.

Quais as desvantagens da dieta mediterrânea?

Homem a comer.

Como a dieta mediterrânea não salienta quais as quantidades exatas de alimentos que devem ser consumidas, assim como a maioria das dietas, é possível que, se come compulsivamente ou se não controlar as quantidades que consume, possa ingerir mais calorias durante o dia do que as que deve. Existe assim a possibilidade de tal levar a um aumento de peso. Para o ajudar a saber quais as quantidades exatas do que deve comer pode consultar um nutricionista. Ele também o irá orientar na sua adaptação a esta dieta.

Outra desvantagem desta dieta é que ela permite a ingestão de vinho com moderação, não ultrapassando um copo de vinho por dia. O problema é que isso é um limite que muitas pessoas que querem seguir a dieta não conseguem respeitar.


AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas a título informativo, não podendo, jamais, ser utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.

Também poderá gostar: